Sindicato das Seguradoras
31 3271.0770

Um novo levantamento feito no último mês de junho pela Carglass, especialista em reparo e troca de vidros automotivos, aponta que a bolsa é o item mais furtado/roubado dos carros na região Sudeste do Brasil, com 14% das incidências. O dado surpreende, já que o estepe tinha liderado o levantamento como o item mais furtado/roubado nos três anos anteriores e este ano caiu para o segundo lugar com 12%.

Os dados aferidos apontam que em terceiro na preferência dos ladrões aparece o aparelho de som, com 11%, depois itens pessoais (10%) e celular (7%). De acordo com o levantamento, mais da metade dos roubos/furtos acontecem durante o período noturno (52%). Já 24% acontecem de manhã e 24% à tarde.

O levantamento foi feito nas lojas da Carglass presentes na região Sudeste no momento em que o consumidor levou seu carro para trocar os vidros danificados pelo roubo/assalto. Foram ouvidos durante o mês de junho 121 clientes que sofreram roubos ou assaltos. Destes, 98,35% tiveram os vidros laterais de seus carros quebrados e 1,65%, o vidro vigia.

Um dado interessante visto no levantamento é que 35% das pessoas que tiveram os vidros dos seus carros danificados pelos bandidos não tiveram nenhum pertence roubado. De acordo com Milton Bissoli, executivo da Carglass, isso leva a crer que os sistemas de segurança/alarmes dos automóveis estão ficando mais eficientes, dificultando a ação dos marginais.

Itens mais roubados:

Bolsa – 14% Estepe – 12% Som – 11% Itens pessoais – 10% Celular – 7% Outros – 11% Nenhum – 35% (Tiveram os vidros danificados, mas nada foi levado).

Qual o período do furto?

Noite – 52% Manhã – 24% Tarde – 24%

Fonte: Cesvi Brasil

Ano

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER E OUTRAS NOVIDADES