Sindicato das Seguradoras
31 3271.0770

O modelo de trabalho remoto, também conhecido por home office, é hoje, uma realidade para muitas pessoas. Porém, é preciso seguir algumas recomendações para proteger as informações, uma vez que os equipamentos de uso pessoal não costumam contar com os robustos sistemas de proteção usuais nas organizações. Segundo especialistas, o primeiro passo é criar uma senha segura. A seguir, ensinamos como:

  • Use pelo menos 10 ou 12 caracteres e escolha letras minúsculas, maiúsculas, símbolos e números. Quanto mais variada, mais forte será a senha.
  • Evite escolher sequências, como “12345” e “qwert”;
  • Não utilize a mesma senha em todos os sites;
  • Nunca compartilhe sua senha e troque-a periodicamente;
  • Ao sair de um site, lembre-se sempre de deslogar. Assim, se alguém usar o computador depois de você, terá menos chances de encontrar sua conta aberta;
  • Não reutilize senhas, use sempre algo original.

Agora que você já sabe como criar uma senha forte, confira outras orientações úteis para tornar o trabalho remoto ainda mais seguro.

  • Mantenha os aplicativos da sua máquina sempre atualizados;
  • Deixe também ativadas as atualizações automáticas do seu sistema para que as versões presentes protejam contra os últimos vírus e malwares que podem atacar seu computador;
  • Confira se a sua rede wi-fi doméstica está protegida: todos os roteadores residenciais atualmente dão suporte à criptografia, mecanismo que impede que pessoas não autorizadas acessem mensagens privadas;
  • Ao fazer chamadas de vídeo, utilize aplicativos que você confia e que possuam recursos avançados de segurança contra vazamento de dados.

Ano

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER E OUTRAS NOVIDADES