Sindicato das Seguradoras
31 3271.0770

Mais de 200 pessoas participaram do evento promovido pelo SindSeg MG/GO/MT/DF nesta terça-feira (28) que abordou “RC Profissional E&O – Inovações e Controvérsias”. O tema foi conduzido pelo executivo do setor Klaus Barretta, especialista no assunto, e contou com a intermediação de Landulfo Ferreira e Paulo Medeiros, da Comissão de Assuntos Jurídicos e Fiscais e Roberta Ferreira, da Comissão de Ramos Elementares do Sindicato.

Na abertura da palestra, Roberta Ferreira salientou que muito se tem falado em responsabilidade civil em tempos de pandemia, que o assunto interessa ao mercado e questionou: quais seriam de fato essas responsabilidades?

Klaus Barretta iniciou sua fala conceituando o Seguro de Responsabilidade Civil Profissional, uma das modalidades de RC direcionado para profissionais de formação técnica que carrega um cunho intelectual. Segundo ele, não passam de dez as categorias profissionais que abarcam 95% dos seguros desta modalidade no Brasil.

“Em 2021 a carteira de RC Profissional fechou com R$ 520 milhões em prêmio e no anterior R$ 465 milhões. Isso representa um crescimento de 12% no mercado, mas se compararmos com responsabilidade civil geral que teve crescimento de 40% (de R$ 1 bi para R$ 1,4 bi) ainda temos um potencial grande e adormecido de crescimento”, avaliou.

Segundo o especialista, é importante levar aos profissionais o conhecimento do que o Seguro de Responsabilidade Civil Profissional cobre em relação ao RC geral para que se contrate as modalidades de forma correta e aconteça o desenvolvimento das potencialidades de mercado do RC Profissional E&O.

Para Landulfo Ferreira, é importante estar atento às questões  clausulado dimensionamento de riscos e limites de garantia. “Isso só é possível com a intermediação de um corretor, com uma boa atuação e experiência em seguros de responsabilidade civil”, ponderou.

Para explicar sobre as principais controvérsias jurídicas do RC Profissional E&O, Paulo Medeiros destacou alguns pontos de relevância como: Comunicação de sinistro tardia e seus efeitos; Incidente suscetível de agravar consideravelmente o risco; Denunciação à lide: a quem interessa?  Agravamento do risco e ato doloso; Ação direta do terceiro e a responsabilidade solidária da seguradora; Acordo sem a anuência da seguradora, e o objeto garantia do contrato x riscos excluídos;

Durante todo o evento, várias dúvidas foram esclarecidas e exemplos de mercado colocados para trazer para a realidade dos participantes como lidar com as questões relacionadas ao RC Profissional E&O.

Para encerrar, o presidente do SindSeg MG/GO/MT/DF, Marco Neves, reforçou a importância dos esclarecimentos apresentados sobre o RC Profissional, produto que em sua percepção tem muita potencialidade para crescer. Marco aproveitou para ressaltar o papel das Comissões especializadas do Sindicado “são grupos de trabalhos que buscam soluções voltadas para contribuir com o desenvolvimento do mercado local. Por isso, convido os colegas de mercado e colaboradores das associadas para acessarem as nossas comissões, toda participação é muito bem-vinda” conclui.

Quer saber mais?

Confira o evento na íntegra em nosso canal do Youtube ou clicando no link

https://www.youtube.com/watch?v=ISDdR1pSQKw

Ano

CADASTRE-SE E RECEBA NOSSA NEWSLETTER E OUTRAS NOVIDADES

    COMUNICADO IMPORTANTE

    Comunicamos que o SindSeg MG/GO/MT/DF está funcionando em modelo híbrido (presencial e virtual) para garantir a segurança de todos.

    O contato permanece por meio dos nossos e-mails e telefone/ WhatsApp corporativo.

    Claudia Perdigão – [email protected]

    José Augusto – [email protected]

    Danielle Araújo – [email protected]

    Mauricio Fidalgo – [email protected]

    Sônia Leão – [email protected]

    Telefone/ WhatsApp corporativo: (31) 99922-9351